Conheça o WTM Finance! Solicite Fechamento de Câmbio de sua Empresa via WhatsApp

Receita líquida de serviços cresce 5,5% em 2013 ante 2012 e emprego avança 4,5%

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on skype
Share on email
Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on skype
Share on email

Receita líquida de serviços cresce 5,5% em 2013 ante 2012 e emprego avança 4,5%

25-09-2015 14:01

Crescimento em serviços representa receita líquida de R$ 1,246 tri; a expansão da atividade abriu 534.566 novas vagas em 2013

RIO DE JANEIRO – A receita operacional líquida dos serviços não financeiros somou R$ 1,246 trilhão em 2013, aponta a Pesquisa Anual de Serviços (PAS) referente àquele ano, divulgada nesta quarta-feira, 23, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O resultado representa, em termos reais, um crescimento de 5,5% sobre 2012.

O número de empresas também cresceu no período. Segundo o IBGE, o número de novos estabelecimentos superou em 59.665 os fechamentos na atividade, totalizando 1,236 milhão de companhias de serviços em atividade em todo o País. Juntas, elas geraram um valor adicionado de R$ 745,2 bilhões em 2013.

“Os serviços se inserem de forma diferenciada no sistema produtivo, e o desempenho das diversas atividades foi impactado tanto pela dinâmica de outros setores, como o de construção, quanto pela dinâmica do mercado de trabalho, do mercado de crédito e pela elevação da renda média da economia brasileira no período 2007-2013”, diz o IBGE.

Com a expansão da atividade, os serviços abriram 534.566 novas vagas. No fim de 2013, o setor empregava 12,485 milhões de pessoas, 4,5% a mais do que no ano anterior. O principal destaque entre os segmentos foi a atividade de agências de notícias e outros serviços de informação, que expandiu a população ocupada em 23,8% em 2013 ante 2012.

Ainda assim, os serviços profissionais, administrativos e complementares (que incluem desde tarefas técnicas, como consultorias, até serviços de vigilância, limpeza e recepção) concentravam 41% da população ocupada em serviços no Brasil em 2013, segundo o órgão.

Todos os mais de 12 milhões de trabalhadores receberam quase R$ 254 bilhões em salários, retiradas e outras remunerações, um crescimento real de 5,9% ante 2012, apontou o IBGE. A remuneração médica ficou em 2,3 salários mínimos em 2013, sendo que o grupamento com a média mais elevada foi o de serviços de informação e comunicação (4,7 salários mínimos).

Em termos regionais, o Sudeste figurou como o principal motor da atividade de serviços no País em 2013. A região foi responsável por 65,6% da receita bruta de prestação de serviços, 65,5% da massa salarial paga e 69,1% das pessoas ocupadas na atividade. Além disso, o salário médio mensal ficou em 2,6 salários mínimos, superior à média brasileira.

O maior crescimento, porém, veio do Centro-Oeste, onde a receita bruta de serviços avançou 9,6% em 2013 ante 2012. Já o emprego expandiu mais no Nordeste (7,2%), considerando o mesmo período.

A PAS começou a ser realizada pelo IBGE em 2007. De lá para cá, os serviços de informação e comunicação, de maior produtividade, perderam participação na receita operacional líquida, de 31,1% em 2007 para 24,3% há dois anos. Antes na primeira colocação entre os grandes setores de serviços, agora a atividade figura em terceiro lugar, atrás de transportes e correio (28,5%) e serviços profissionais (26,9%).

Já em termos de pessoal ocupado, os serviços prestados às famílias destacaram-se e cresceram em importância, respondendo com 21,7% dos trabalhadores em 2013. Essa fatia só é menor do que a dos serviços profissionais (41%), que também expandiu no período de seis anos.

Fonte: https://goo.gl/0l4R7L

 
Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on skype
Share on email

Fale com um Consultor

Quer ter acesso a materiais gratuitos?

Cadastre-se em nossa Newsletter:

  • Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.

Informe os dados abaixo para receber um diagnóstico sem compromisso direto em seu WhatsApp!

Ligamos pra você!

Informe seus dados de contato para receber a ligação de um dos nossos consultores nos próximos minutos.

  • Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.